Dançarina

           Regina Santos é bailarina, historiadora (Unicamp-Campinas), arte-educadora e pesquisadora da cultura tradicional africana e afro-brasileira. Com formação em Danças Brasileiras e Africanas no Brasil (CC Tainã, Inst. Brincante, Funceb, Fanta Konate, Youssouf Koumbassa), e no exterior (École des Sables-Senegal, Centre Momboye-Paris). Possui Formação em Canto; Em percussão popular brasileira e africana mandeng.

Realizou espetáculos como “Britadeira” e ”Em Obras“com grupo Batuntã, “Un Neaveau Pas” dir. Nora Chipaumire, Senegal, “Ñibbisi – O caminho de volta” concepção e dir. Regina Santos, “Próximo Passo – O espetáculo” dir. Ivaldo Bertazzo. Criou e interpretou composições próprias e sob encomenda para Iara Rennó, Leo Cavalcanti, Bixiga 70, dentre outros. Fez parte do Curumim-SESC- SP, Programa Vocacional e Fábrica de Cultura e do Núcleo de Estudos Étnico-Raciais -SME. Realizou trabalhos performáticos em teatro com Coletivo Em Legítima Defesa e Cia Sá Totonha. Integrante do Bloco Afro Ilú Obá de Min desde 2014. Professora de Dança Afro no mesmo desde 2015.